Eles também sentem nossas emoções!

Eles também sentem nossas emoções!

28 de março de 2019

Um estudo realizado pela Universidade de Nottingham, Inglaterra, aponta que quanto maior os níveis de ansiedade do dono, maiores são os reflexos no comportamento arisco dos seus filhos felinos.

Mais de três mil gatinhos foram analisados e todos os que possuíam tutores que apresentavam sintomas de ansiedade, demonstraram maior propensão a sofrer com estresse, comportamentos agressivos e até obesidade.

É claro, que existem gatinhos que possuem uma personalidade mais forte que outros, e normalmente demonstram serem mais ariscos e agressivos por natureza, mas, se o seu gato sempre foi dócil e recentemente começou a se comportar de maneira fora do habitual, é importante olhar para si e identificar se o comportamento do seu felino não é apenas um reflexo das suas emoções.